0
  Login
Restaurante em São Paulo passa a aceitar Bitcoin, Bitcoin Cash e Litecoin

Restaurante em São Paulo passa a aceitar Bitcoin, Bitcoin Cash e Litecoin

A Casa do Porco Bar, um dos restaurantes mais descolados de São Paulo, vai começar a aceitar Bitcoin, Litecoin e Bitcoin Cash como forma de pagamento.

A ampliação do serviço de pagamento deu-se após uma parceira da empresa com a plataforma de solução para sistemas de pagamento com criptomoedas CoinWISE.

De acordo com a empresa, a inovação, além de modernizar o meio de pagamento, visa atender todos os clientes ligados na tecnologia de criptomoedas.

Embora muitas pessoas estejam pouco familiarizadas com o sistema, o restaurante explicou que processo de pagamento não é complicado. É com uma maquinha com estilo parecido às de cartão de débito e crédito.

O cliente escolhe, então, o tipo da moeda digital que ele deseja usar, digita o valor da conta em reais e, automaticamente, o sistema calcula o montante em Bitcoin, Litecoin ou Bitcoin Cash.

Em seguida, um QR Code da transação é gerado, o cliente o escaneia com a própria carteira de criptomoedas e o processo é finalizado com uma mensagem de confirmação. O tempo do processo é de menos de um minuto, segundo o restaurante.

Lançada em 2009, a rede de criptomoedas vem crescendo diariamente e despertando cada vez mais o interesse dos usuários por se tratar de um pagamento mais rápido e eficiente, além da grande valorização no mercado, que em 2017, movimentou cerca de R$ 8,3 milhões no Brasil.

Bitcoin no comércio

A tendência é mundial, principalmente nos países asiáticos que cada vez mais vêm aderindo as criptomoedas para se conectar com vários serviços oferecidos, como supermercados, restaurantes, bares e cafés.

O número de restaurantes que aceitam o sistema de criptomoeda no Brasil ainda é pequeno e a Casa do Porco Bar passa a ser uma das pioneiras no novo serviço, o que não vai afetar a aceitação tradicional de cartões de créditos como Visa, Mastercard, Elo, Dinners e American Express.

O chef da Casa do Porco, Jefferson Rueda, também é responsável por mais três casas no centro de São Paulo: o Bar da Dona Onça, juntamente com a chef Janaína Rueda, o Hot Pork e a Sorveteria do Centro.

ecocarwashing

Seja Um Revendedor Ecocarwashing

   

curtir:
Oneplus 6T ataca o top 3 dos melhores smartphones Android no Antutu

Oneplus 6T ataca o top 3 dos melhores smartphones Android no Antutu

Com a chegada do Oneplus 6T, a marca chinesa revelou uma grande aposta para atacar o final do ano.

Os testes de Antutu vieram agora comprovar o sucesso deste flagship, posicionando-o no top 3 do ranking.

De há alguns anos para cá, a Oneplus tem apostado em desenvolver equipamentos de elevado desempenho a preços abaixo dos topos de gama da concorrência.

Se analisarmos os últimos modelos lançados, facilmente verificamos que estes flagships são presença assídua nos testes de benchmark de desempenho, assim como nos testes de rapidez.

Depois de no início do ano terem lançado o Oneplus 6, que bateu recordes de vendas, a marca chinesa lançou agora o Oneplus 6T que mantém o mesmo compromisso de desempenho, mas que traz várias novidades adicionais.

Após o lançamento, começaram agora a surgir as primeiras reações e testes a este smartphone. Um dos últimos a ser partilhados foi o resultado de Antutu, que vem comprovar as promessas de desempenho da marca.

Segundo a informação partilhada, o Oneplus 6T pontuou neste teste 298 011, ultrapassando os 289 424 do seu antecessor.

Com este resultado, e segundo o ranking de Outubro do Antutu, este flagship ascende assim à segunda posição no top de smartphones Android do Antutu, logo após o Asus Rog Phone e ultrapassando o Xiaomi Black Shark.

Equipado com um processador Snapdragon 845, 6/8 GB de RAM e 128/256 GB de armazenamento interno, o Oneplus 6T traz o melhor hardware do mercado actual e promete abalar o mercado dos smartphones neste último trimestre do ano.

ecocarwashing

Seja Um Revendedor Ecocarwashing

   

curtir:
WhatsApp vai mesmo colocar publicidade para os utilizadores

WhatsApp vai mesmo colocar publicidade para os utilizadores

Desde que foi comprado pelo Facebook, em 2014, que a incerteza sobre o pagamento para usar o WhatsApp existe. Se inicialmente o serviço era (supostamente) pago, o Facebook tornou-o gratuito, mas com a possibilidade deste modelo ser alterado.

A presença de publicidade era cada vez mais uma certeza e agora foi finalmente confirmada pelo próprio Facebook. O WhatsApp vai mesmo passar a apresentar publicidade aos utilizadores.

Apesar de ser uma das redes de comunicações mais usadas na Internet, com todos os problemas inerentes que temos visto surgir, o WhatsApp tem conseguido manter-se gratuito e livre de publicidade. Este modelo apesar de muito interessante para os utilizadores, é contrário à ideologia do Facebook, como se tem visto nos seus restantes serviços.

Por essa razão era cada vez mais certo que a publicidade iria em breve passar a ser uma presença garantida no WhatsApp, principalmente como forma de monetizar este serviço e para que as empresas possam alcançar os utilizadores.

A confirmação surgiu agora pelas palavras de Chris Daniels, o vice-presidente do Facebook, que numa entrevista admitiu finalmente ser este o caminho a seguir pelo WhatsApp.

Segundo Chris Daniels, a publicidade no WhatsApp deverá chegar em breve e será apresentada no separador Estados, podendo depois evoluir para outros locais, como tem acontecido no Facebook Messenger.

As mudanças que Mark Zuckerberg e o Facebook têm desejado aplicar no WhatsApp levaram à saída dos 2 fundadores do WhatsApp. Jan Koum, um dos fundadores do WhatsApp saiu no início deste ano por discordar das alterações da privacidade necessárias para implementar esta publicidade.

Esta é uma alteração que irá afetar todos os utilizadores do WhatsApp, mas que parece ser necessária para manter o serviço gratuito e com os níveis de qualidade que temos. O seu sucesso dependerá apenas da forma como a publicidade for implementada.

ecocarwashing

Seja Um Revendedor Ecocarwashing

   

curtir: